20/12/07

HOJE


"Hoje eu queria te dar um poema e não consegui...
Queria te dizer coisas lindas, que te fizessem sorrir...
Hoje eu queria ser um mago e me transformar.
Queria ser vento, queria ser chuva, queria ser o mar,
e no meio de tudo, simplesmente me transportar
para onde me levassem teus rastros.
Hoje eu queria te falar desse amor que me amedronta,
Hoje eu queria te lembrar que quando tudo era tempestade,
descobri em você o abrigo...
Descobri em você o caminho no meio da escuridão,
Descobri em você o amor no meio da solidão...
Hoje eu queria te falar todas as coisas que pudessem ser ditas,
usaria palavras belas, palavras fortes...
Falaria de forma suave sobre esse amor louco,
falaria apenas de coisas que não te machucassem,
De coisas que pudessem te envolver,
Como se as palavras fossem uma névoa fina te abraçando,
Levando um perfume que te fizesse pensar em mim,
Levando flores que num canteiro invisível você pudesse cultivar,
Levando um abraço que te fizesse fechar os olhos e descansar,
Levando um longo beijo que nos permitisse acreditar em algo infinito...
Hoje eu queria te dar um poema e não consegui .
As palavras fugiram quando a saudade doeu..."















Um comentário:

eduardo disse...

Rosane

Todas lindas, essa é maravilhosa.

Essa fala muito diz tudo..é linda..

beijos.