06/10/08

DANÇA AO LUAR

Abaixe as defesas
Deixe os sonhos nascerem
Não, não pense em real,
Apenas viva a ilusão.
A lua te olha do alto,
Convidativa e acolhedora...
Estenda a mão, entregue-se,
faça o passeio que não aconteceu,
Transporte-se para a beira do mar...
Caminhe, de mãos dadas,
Respire o ar da noite,
Deixe a melodia penetrar
Bem fundo, no íntimo...
Sinta o ritmo,
Sorria!
Estenda a mão,
E dance...
Como se nada mais importasse...
Apenas a música e você,
Apenas você e a lua,
Apenas você...
E eu...
Almir Capthor

7 comentários:

Fernando Santos (Chana) disse...

Olá, belo texto...Espectacular...

Deusa Odoyá disse...

Olá minha estimada amiga Rosane.
Que belo e puro texto.
Linda passei para lhe desejar uma semana repleta de muita luz e paz.
Recheada de muita fé e alegrias.
Beijos amiga.
Regina Coeli.

Apareça no meu cantinho.

Lucinha disse...

Oieeeee amiga!Aqui par uma visita cordial e ao mesmo tempo para convidá-la para uma festa que amigos fizeram para mim.Venha ao Sonhos e Carinhos de Timel, tem docinhos, salgados , bebidinhas e muito calor humano.Comemorando grandes alegrias : A Liderança do Virtual Reality do CMI ; Destaque no blog Recanto Mineiro da amiga Dulcinéia ; Destaque no blog Meu Canto Meu Encanto da amiga Jussara ; Comemorando 6.000 visitas no meu amado Sonhos e Carinhos. Como vê tenho muito a comemorar graças a Deus e aos amigos.Obrigada espero por você. Beijuuussssssss! Timel.

instantes e momentos disse...

Oi bela Ro, cade voce.Tão sumida do meu blog, me deixou de mão.Apareça...
mil beijos
com saudades
Maurizio

O Profeta disse...

Atravesso o céu em sonhos
Três aves do mar, três raios de sol, três punhais
Seguem-me apontados à solidão
Ah este vento que sopra nos brandais


Vem partilhar comigo uma história real



Mágico beijo

Luiz Caio disse...

Oi Ro! Como vai?
Há momentos em que nada mais importa na vida! Se pudesse-mos... Congelaria-mos o tempo!

TENHA UM LINDO DIA!
BEIJOSS.

Cícero Alvernaz disse...

Essas palavras soam lindas e acolhedoras como um raio de sol em tarde sombria. Lindos versos que tocam a alma e dissipam tristezas. O que seria da vida sem eles?